quarta-feira, 25 de novembro de 2009

Rio Sena e suas pontes.

































Você sabia?
- Que o Rio Sena percorre Paris por 13 kms? Dentro da cidade ! Não vou repetir o que é "dentro da cidade". Vão estudar no post "Circulando..." que já expliquei. Colocar ordem nesse blog...rs.

- Que a parte mais larga do rio tem 105 m? Estreitinho, né?
- A parte mais estreita tem 30 m. Um pulo pro João do Pulo.

- A Petit Pont é a mais antiga, ninguém sabe quando foi construída, e com data, em segundo lugar, fica a Pont au Change que é de 1304. Pode uma coisa dessas? E tá lá, firmona!

- A ponte mais chiquetérrima é a Alexandre III. Isso não sou só eu que acha. A ponte mais romântica e delicada é a Pont Neuf .

- São 36 as pontes no total, ligando lado direito ao lado esquerdo do rio.

- Você vai ver placas em algumas pontes dizendo: "Danger de Noyade." Tome cuidado pra não cair e se afogar. As pessoas se debruçam muito, pra ver não sei o quê, e tibum!

- Que o rio tem três ilhas neste percurso : a Île de la Cité, Île Saint-Louis e a Île aux Cignes

Na Ilha de la Cité, fica a Catedral de Notre Dame e o Palácio da Justica, onde fica a maravilha que é a Sainte-Chapelle.

Indo à Île de la Cité, não se pode deixar de conhecer uma das praças mais simpáticas e deliciosas da cidade que é a Place Dauphine, na Pont-Neuf. Tem restaurantes simpáticos e nada melhor do que, depois de comer e tomar um belo sorvete, se sentar nos bancos e conversar fiado.
E namorar.

Pra ficar fácil de identificar, a parte direita do rio, é o lado onde ficam o Quartier Latin, a Sorbone, Montparnasse, Saint Germain des Prés, Jardin de Luxembourg e, no lado direito ficam a Place de la Concorde, Jardin des Tuileries, Av. des Champs Élisées, Bastille.

Esse blog dá um prêmio pra quem conseguir se perder em Paris.

7 comentários:

Rê Junot disse...

ahhhhhhh Paris... saudades dessa cidade bonita!

Ieda Dias disse...

Rê, não conheco o mundo, mas do q conheco, pra mim são Paris e Rio. Duas maravilhas, completamente diferentes uma da outra.
bjins

Osimar disse...

Oi Ieda, descobri seu blog pelo Conexao Paris e estou adorando a forma como voce escreve e conta suas "aventuras". Eu sou um apaixonado por Paris e aqui vivo. Gostei bastante deste seu post sobre as pontes do Sena, porém tem algo que gostaria de retificar: Le Pont au Change nao é a mais antiga de Paris e sim Le Pont Neuf pois esta foi a primeira ponte construida em pedra ainda no reino de Henri IV. Le Pont au Change é verdade que ja existia no mesmo lugar mas em madeira e foi destruida durante um incendio e foi apos reconstruida em pedra entre 1639 e 1647. Desculpe-me o pitaco e grande abraço.

Ieda Dias disse...

Oi Osimar. Muito obrigada pela correção. Meu livrinho tá desatualizado...rs...mas por favor continue a perseguir o blog. Me dá muita alegria. E palpitar sempre que quiser. Bem vindo.
bjins

Osimar disse...

Obrigado Ieda,

Como guia de turismo e francofilo adoro compartilhar com os brasileiros que tambem amam Paris fatos historicos e cultarais desta cidade apaixonante e misteriosa. Ja que voce me deu seu feu vert estarei de vez em quando dando pitacos... ahahaha

Grande abraço!

Ieda Dias disse...

Tout à fait Thierry, tout à fait! Feu completement vert, bienvenue,
bjins

Anônimo disse...

Antonio

Acho que vc precisa retificar esta parte:

Pra ficar fácil de identificar, a parte direita do rio, é o lado onde ficam o Quartier Latin, a Sorbone, Montparnasse, Saint Germain des Prés, Jardin de Luxembourg e, no lado direito ficam a Place de la Concorde, Jardin des Tuileries, Av. des Champs Élisées, Bastille.

VEJA TAMBÉM

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...